Rudesindo Soutelo
Compositor - Composer - Komponist
Rudesindo Soutelo - Abertura
A complexidade do simples
Criação do conto musical
A Caixa dos Laços





O futuro é o passado que se constrói no presente. (Rudesindo Soutelo)

2013 (Diálogo com a arte PDFn3p109-127)
Peça de arte amiga das crianças (Criação dum conto musical)

O Bardo na Brêtema - Artigos


26-III-2014 (A Aurora do Lima; As Artes entre as Letras PDFn119p18)
Arte e cidade

15-V-2013 (As Artes entre as Letras PDFn98p18-19)

O papagaio

24-I/24-III-2013 (Folha de Sala da Exposição 'Transmutação'; As Artes entre as Letras PDFn95p19)
Transmutação e transcendência

30-I-2013 (As Artes entre as Letras PDFn91p20-21)
O amanhã é que importa

25-X-2012 (A Aurora do Lima; As Artes entre as Letras PDFn102p17)
Pensamento sistémico

07-III-2012 (A Aurora do Lima; As Artes entre as Letras PDFn84p22)
Inteligência musical

28-XII-2011 (As Artes entre as Letras; A Aurora do Lima; PGL; Estudo Geral)
A irracionalidade do racional

16-XI-2011 (As Artes entre as Letras PDFn62p10-11)
Neo-Trans-Pós-Modernismo

5-X-2011 (A Aurora do Lima; As Artes entre as Letras PDFn78p17; PGL; Estudo Geral)
Isegurança cultural

31-VIII-2011 (As Artes entre as Letras PDFn57p18; A Aurora do Lima; PGL; Estudo Geral)
Ignorância e estupidez

8-VI-2011 (A Aurora do Lima; PGL; As Artes entre as Letras; Estudo Geral)
Música e literatura

11-V-2011 (As Artes entre as Letras, nº 50)
Não há dois sem três

4-V-2011 (A Aurora do Lima; PGL; As Artes entre as Letras PDFn52p22; Estudo Geral)
A música ouve-se

18-II-2011 (A Aurora do Lima; PGL; As Artes entre as Letras; Estudo Geral)
Transcendência

14-I-2011 (A Aurora do Lima; PGL; As Artes entre as Letras; Estudo Geral)
Direito de Profanação

1-XII-2010 (A Aurora do Lima; PGL; As Artes entre as Letras; Estudo Geral)
«Cultura»

22-VII-2010
(Notas ao Programa do concerto celebrado o dia 24 de Julho de 2010 em Vila Praia de Âncora - Portugal - PGL)
Saraquel - O conhecimento do conhecimento

24-I-2010
(PGL)
A estória duma história musical

8-XI-2009
(PGL)
Ópio para o povo - O som do eterno

28-II-2009
(Programa de Festas de Tui - PGL)
Sentimento oceânico

6-X-2008
(Boletim AGLP nº 1)
Por um Corpus Musicum em liberdade

29-II-2008
(Programa de Festas de Tui - PGL)
Minho azul


6-I-2008
(PGL - Inforosal)
Só os ignorantes

20-XII-2007
(Inforosal)
Entra no esquema

20-IX-2007
(Inforosal)

Caturrice concep
tual

5-VII-2007
(A Nossa Terra nº 1.284; Inforosal - PGL)

A língua do aquém

14-VI-2007
(A Nossa Terra nº 1274; Inforosal; MDL)

Manipuladores de emoções

26-IV-2007
(A Nossa Terra nº 12
65; Inforosal; MDL)
O corvo da liberdade

12-IV-2007 (A Nossa Terra nº 1263)
A arte é um antidestino

8-III-2007 (A Nossa Terra nº 1259)
Outra música é possível

26-X-2006 (A Nossa Terra nº 1241)
Corpus Musicum Gallaeciae
Comunicação apresentada nos Vº Colóquios da Lusofonia de Bragança a 3 de Outubro de 2006, revista e publicada no Boletim da AGLP número 1 (2008) com o título Por um Corpus Musicum em liberdade.

19-X-2006 (A Nossa Terra nº 1240)
Entrevista

24-VII-2006 (PGL - Inforosal)
Carta aberta ao Conselheiro de Inovação e Indústria


Soutelo


Programa do Concerto da Classe de Análise e Técnicas de Composição-AMFF
(29-Junho-2012)


A Ciência da Criação Musical
(Comunicação apresentada o dia 6-XII-2011 no 7º Encontro Internacional das Artes)


Programa do Concerto da Classe de Análise e Técnicas de Composição-AMFF
(30-Junho-2011)


Oficinas do Ensino Curricular da Música
Pertinência de uma estrutura de apoio aos professores de EB que reduza as carências existentes no ensino curricular da música
(Outubro-2009)


Crítica do concerto monográfico integral das obras dos anos 70
(24-IV-2009; 20h00. Auditório do Centro Galego da Arte Contemporânea; Santiago de Compostela. Int.: Grupo Dharma.)


Soutelo


Aforismo:
Onde há muita mediocridade tudo se volve teoria.



Notícias e Projectos

25-Ago-2010 (21h00)
Borobó(Duo de gaitas de fole)
Intérpretes: Projeto de Foles
Música no Claustro - Catedral de Tui
Catálogo
(ExMUS.PDF)

Deu-la-deu (Suite para Guitarra / Suite for Guitar)
Obra concluída a 3 de Setembro de 2008 e dedicada à Academia Galega da Língua Portuguesa.

     1.-Assédio à fortaleza
     2.-A fome impinge à rendição
     3.-Oferta de pães ao inimigo
     4.-Desistência do cerco
     5.-Triunfo incruento da estratégia.

Première: 6-X-2008. Sessão inaugural da AGLP. Int.: Isabel Rei.

Comentário

Torga: Retratos e paisagens

imagem

Já está à venda o CD da homenagem musical a Miguel Torga encomendada pela Cultura Norte aos compositores Carlos Azevedo (Poema), Paulo Vaz de Carvalho (A um negrilho), Jesús Legido (Lembranças), Rudesindo Soutelo (O corvo da liberdade), Fernando Lapa (Folhas soltas) e Eurico Carrapatoso (Dois Poemas de Miguel Torga).
Em http://www.numerica-multimedia.pt/
ou em http://itunes.apple.com/pt/artist/rudesindo-soutelo/id366504065


5º Concurso Ibérico de Piano

Fundação AGLP



A Academia Galega da Língua Portuguesa celebrou a sua Sessão Inaugural no Centro Galego de Arte Contemporânea, em Santiago de Compostela, o dia 6 de Outubro de 2008 contando com uma ampla participação de personalidades da vida cultural e universitária da Galiza, assim como representantes oficiais da Academia das Ciências de Lisboa e da Academia Brasileira de Letras, autoridades políticas e responsáveis universitários da Galiza e Portugal.

A AGLP é uma instituição científica que «promove o estudo da Língua da Galiza para que o processo da sua normalização e naturalização seja congruente com os usos que vigoram no conjunto da Lusofonia».

Como entidade privada, a Fundação AGLP sustenta-se com contributos económicos de quem partilha seus princípios.

Rudesindo Soutelo



Nasceu a 29 de Fevereiro 1952 em Valdrães - Tui (Galiza). Estudou nos Conservatórios de Vigo, Madrid e Schaffhausen (Suiça), sendo discípulo de Rodolfo Halffter e Agustín González de Acilu em composição, e de Janos Meszaros em fagote.

Em 1972 fundou as Juventudes Musicais de Vigo e em 1976, com o grupo Letrinae Musica, apresentou em Compostela e Vigo o movimento novo-neo-new-dadá Quadrado de Pi para sacudir a infâmia que deitara no país o excrementíssimo ditador. Em 1980 criou a editora de música Arte Tripharia onde gerou um amplo catálogo de partituras e a colecção Corpus Musicum Gallaeciae. Também promoveu revistas polémicas como “La Matraca”, feita por estudantes do Real Conservatorio S. de Música de Madrid, e “Da Capo” (Panfleto musical independiente del país).


(Violino: Eya Grimonia. SOUTELO Alva ).

Junto com Janos Meszaros elaborou em 1986 o projecto para uma escola internacional de música no conjunto histórico de Nuevo Baztán, povo e palácio barroco construído por Churriguera a 45 km de Madrid, mas as rivalidades da mediocridade política frustraram qualquer sucesso.

Alguns dos títulos das suas obras como o
Oppius dei parecem ter uma intencionalidade beligerante, mas são só uma maneira algo irreverente, divertida e sonora de se rir das capelinhas de medíocres que pretendem controlar a música. Como compositor considera-se auto-excluído das máfias, dos grupos de poder e de qualquer ente que não defenda o direito dos criadores a viver do seu trabalho.



Das obras mais recentes devem ser destacadas: Prelúdio da Montanha Mágica, homenagem a Thomas Mann (Piano); Como a noite é longa, homenagem a Fernando Pessoa (Flauta-Oboé-Clarinete); Lábios de sabor a mar, (Coro a cappella, com versões para Quinteto de Metais, e para Voz e Piano); Quod nihil scitur, homenagem ao filósofo Francisco Sanches 'o céptico' e in memoriam J. M. Álvarez Blázquez (Órgão); Tálamo e túmulo, homenagem ao polígrafo Ricardo Carvalho Calero (Orquestra de Cordas); Borobó e Manuel María, (duos de Gaitas de fole); Brêtema de Dom Quixote, e André, (Piano); Alva (Violino solo); O corvo da liberdade, a vontade que desafiou Deus, homenagem a Miguel Torga (Quinteto de sopros), encomenda da D.R. Cultura do Norte do Ministério da Cultura de Portugal, e incluída no filme de João Botelho "A terra antes do céu"; Saraquel (2 violinos); Minho azul (Banda sinfónica); Deu-la-deu, (Suite para Guitarra) dedicada à AGLP (Academia Galega da Língua Portuguesa); O anel de Giges (Clarinete solo); Violetas p'ra 2 (2 Violas). Toda a sua obra foi publicada em Arte Tripharia e há Teses de Doutoramento onde se estuda e analisa.

Assim mesmo, tem publicada uma colectânea de 93 artigos sobre música erudita e a incultura política galega aparecida na secção `O Bardo na Brêtema´ do hebdomadário galego A Nossa Terra. Nos Colóquios da Lusofonia, celebrados em Bragança em Outubro de 2006, apresentou uma comunicação posteriormente revista e publicada no Boletim da AGLP número 1 (2008) com o título Por un Corpus Musicum em liberdade. Actualmente escreve para o A Aurora do Lima (Viana do Castelo) -o jornal mais antigo da Europa- e para o As Artes entre as Letras (Porto). Defensor dos direitos dos trabalhadores intelectuais porque isso encoraja a criação e o desenvolvimento económico, social e cultural.

Académico Fundador da AGLP (Academia Galega da Língua Portuguesa).
Contacto
Nome / Name:
Cidade / City:
CP / Zip Code: (5 digits)
Email:
Comentário /
 Comments:















 
Visitas desde o 24-XI-2006
Sports et Divertisements

Iludir

Cânone cancrizante em bucle de Moebius


para racionalizar as emoções

Concerto espirituoso
para Orquestra de cristal VB


Miguel Torga
O corvo da liberdade

The crow of the freedom


A sapiência do Corvo
A study about crow intelligence


Concerto for faces
in D minor

A study about internet narcisism


Piazzola: Libertango
Piano a 4 mãos
Greg Anderson - Elizabeth Roe

Sonhos numa aula aborrecida


György Ligeti:
Poème Symphonique pour 100 metronomes



Criatividade natural
saudável e digestiva


Uma colorida música
para umas sonoras couves